Dom Adelar Baruffi é nomeado como o novo arcebispo de Cascavel

O Papa Francisco nomeou nesta quarta-feira (22), Dom Adelar Baruffi (RS), até então bispo diocesano de Cruz Alta (RS), como novo arcebispo de Cascavel (PR).

A arquidiocese encontrava-se vacante desde a morte de dom Mauro Aparecido dos Santos, em 11 de março de 2021.

Biografia e trajetória de dom Adelar Baruffi
Natural de Coronel Pilar (RS), nasceu em 19 de outubro de 1969. Ingressou no seminário aos 15 anos. Possui formação em Filosofia e Teologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Recebeu a ordenação presbiteral em 22 de janeiro de 1995.

Foi nomeado bispo pelo Papa Francisco, em 17 de dezembro de 2014. Sua ordenação episcopal foi realizada no dia 07 de março de 2015, no santuário diocesano de Santo Antônio de Bento Gonçalves-RS, sendo empossado bispo diocesano de Cruz Alta no dia 15 de março, na catedral Divino Espírito Santo. Dom Adelar é mestre em Teologia e especialista em Espiritualidade pela Pontifícia Faculdade Teológica Teresianum, em Roma.

Saudação a Dom Adelar Baruffi
"Estimado irmão, Dom Adelar,

No dia de hoje, participamos da alegria de todo o povo de Deus na Arquidiocese de Cascavel (PR), que o acolhe como novo bispo. Da mesma forma, manifestamos nossa proximidade fraterna, neste momento em que recebe uma nova missão.

Seu lema episcopal, "Servo de Jesus Cristo", tirado da Carta aos Romanos (Rm 1,1), nos recorda o chamado que Deus faz aos homens a serem seus apóstolos e a anunciar o Evangelho, como o fez a Paulo. A identidade do bispo é compreendida na sua vinculação a Jesus Cristo e na sucessão apostólica. É seu seguidor e seu servo. Jesus nos deixou o exemplo daquele que "não veio para ser servido, mas para servir e dar a vida em resgate por muitos" (Mc 10,45).

Como todos os ministérios na Igreja, também o ministério episcopal é um serviço, exercido na comunhão com o colégio episcopal e com o bispo de Roma, o Papa. Rogamos bênçãos à continuidade de sua missão como servidor de Jesus Cristo e da sua Igreja, à porção do povo de Deus na arquidiocese de Cascavel, agora confiada aos seus cuidados pastorais.

Que Nossa Senhora Aparecida, padroeira da Arquidiocese de Cascavel, seja guia e sustento seguro para um pastoreio frutuoso". Saudação foi assinada pela direção da
CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil).
Conferência Nacional dos Bispos do Brasil
Categoria:Noticias

Deixe seu Comentário